top of page

A ARTE DE APRENDER CIÊNCIA DE DADOS

Dados são registros armazenados pelas empresas e são base e combustível para que elas tomem decisões mais inteligentes, especialmente à medida que embarcam em transformações digitais, e é a partir deste ponto que entra o papel do cientista de dados.



A ciência de dados é uma área multidisciplinar que auxilia na tomada de decisão a partir dos resultados apresentados, portanto o cientista de dados é um profissional que tem muita influência na decisão final. Mas esse post não é sobre essa área que está em grande ascensão no mercado tecnológico, vim trazer algumas mudanças pessoais que a área de ciência de dados trouxe para mim: mulher, negra e periférica.


Antes de mais nada vou me apresentar, meu nome é Laura Damaceno de Almeida, formada em ciências da computação e atualmente sou cientista de dados na IBM, meu trabalho é basicamente analisar os inúmeros dados e registros do clientes da IBM, extrair insights à partir deles e construir modelos preditivos, ou seja, o famoso machine learning. Trabalho na área de dados desde 2019 e sou cientista de dados faz quase 1 ano, e sou muito grata por todo o conhecimento adquirido durante todo esse tempo.


Vou aproveitar esse espaço que tenho para agradecer as pessoas que me ajudaram e me ajudam no meu desenvolvimento, seja com mentorias, palestras e oportunidades.


Você pode estar me questionando cara leitora (o), quais questionamentos e mudanças pessoais uma área ou carreira de tecnologia pode trazer para nossa vida pessoal?


E eu te digo... tudo!


Cada pessoa é transformada da sua forma e maneira, pois somos diferentes, carregamos experiências de vida diferente e eu acredito muito que cada coisa acontece no seu tempo certo e tudo que vem, nos transforma de alguma forma.


Agora vamos para os ensinamentos que tive e agora vou repassar pra vocês:


1 Aprendi como aprender: Eu sempre achei que para aprender precisaria fazer uns 500 cursos e tirar vários certificados, mas o aprendizado não é adquirido só com isso, pois a melhor maneira de aprender ciência de dados é fazendo. É necessário pôr em prática tudo aquilo que você vem aprendendo nos cursos, nem sempre nos sentimos preparados (as),mas precisamos nos desafiar, sair da zona de conforto e entender que todos os erros são bem vindos, pois a ciência é isso: errar e aprender.


2 É necessário mudar o mindset: Como mexemos com tecnologia, muitas vezes as pessoas acham que é necessário saber de “cor” um código, e conhecer bem a fundo todas as linguagens de programação, e na verdade não é bem isso que acontece.Principalmente como cientistas de dados, nosso objetivo deve ser responder a uma pergunta interessante, e não é memorizar um monte de funções ou códigos, é usar essas funções para fazer algo interessante e resolver um problema. E o caminho para atingir esse objetivo pode ser tortuoso, você pode dar alguns passos para trás e experimentarvárias alternativas antes de seguir em frente. Isso está ok!


3 Diferentes caminhos podem levar a mesma resolução: Ao realizar um projeto de ciência de dados, sempre há mais de uma maneira de resolver um problema, seu caminho pode ser diferente do caminho de outra pessoa. Portanto o crucial é você não se comparar, não compare sua lógica com a de outra pessoa pois vocês têm vivências diferentes.